Fórum EMB de Discussões
[  EMB's Main Menu  |  Forum Index  |  Cadastro  |  Search  ]
   
ENGLISH
PORTUGUESE
 LINGUISTICS & CULTURE


Autor:  Fox Fox
E-mail:  não-disponível
Data:  01/JAN/2011 4:25 PM
Assunto:  A pergunta que não quer calar!
 
Mensagem:  Será um dia o Brasil um país 'bilíngüe'?
Sim é possível, desde que estejamos dispostos a mudar nossos conceitos e estabelecer novos “parâmetros”. Quase sete anos se passaram desde minha primeira inserção neste `site`, precisamente dia 10/mai/2004, quando fiz esta mesma pergunta e o que mais me intrigou foi o fato de não ter merecido sequer um comentário do Prof Ricardo e demais participantes deste fórum – fui simplesmente ignorado.  Inicialmente pensei que tivesse fazendo papel de idiota e por pouco não desisti  tamanha fora minha decepção por supor que fizera papel de “pastelão” diante de tantos “experts”, mas logo percebi que nem sempre se consegue despertar o interesse dos participantes  com qualquer pergunta, especialmente aquelas para as quais não se tem respostas, como a minha. Agindo com maturidade, hoje só tenho palavras de agradecimento ao Prof Ricardo e a todos que me ajudaram com brilhantes comentários sobre questões aqui colocadas, enriquecendo sobremaneira nossos conhecimentos. Por mais de quatro anos, tendo ido morar, por motivo de trabalho, numa cidade sem banda larga e sem TV a cabo,  pouco me envolvi com o aprendizado do inglês.  Durante estes anos sempre disse aos meus interlocutores, façam o que eu digo, com resultados quase nulos – simplesmente porque ninguém  acreditava. As pessoas riam até com desdém. Então, a partir de fevereiro passado, já com banda larga e TV a cabo, resolvi me submeter como “cobaia” para testar meus conceitos e hoje passado apenas dez meses tenho a comprovação de que sempre estivera no caminho certo – hoje posso dizer: faça o que eu fiz. À época, uma sobrinha ganhara um intercambio de um tio abastado  que não queria que a filha fosse sozinha para o Canadá,  assim,  ela foi praticamente como “dama de companhia” e  lá chegando foram morar com famílias não nativas (imigrantes da costa da Venezuela) com parcos  conhecimentos de inglês e como as famílias das duas  eram de mesma ascendência, elas se visitavam sempre e também tiveram intenso contatos com outros  intercambistas brasileiros. Tinha tudo para dar errado, não tinha? – DEU CERTO E EM APENAS QUATRO MESES. Qual o segredo? Ela apenas atendeu  a  um “protocolo” que eu preparei para ser cumprido  nos seis meses que antecederam  sua ida para o Canadá (olha que foi algo meio `forçado` – como eu já disse, as pessoas  são desconfiadas), por sorte os pais dela não tinham condições de contratar professor particular  e/ou colocá-la  em curso intensivo, a  exemplo  da prima que teve todo este apoio extra além de estar matriculada em escola internacional.  Das duas, minha sobrinha chegou mais  solta,  conversando confortavelmente com  qualquer  nativo. Ela aprendeu inglês?  NÃO!  Ela apenas `destravou` –  recebeu a senha. Doravante ela vai ter que ralar, ler e estudar muito para aprender gramática  e  adquirir vocabulário – só não vai ser uma pessoa letrada,  mas em contra partida,  muda  como uma grande maioria. Espero, num futuro próximo, estabelecer um protocolo de procedimentos para ajudar especialmente os candidatos ao intercambio, visando encurtar o intercambio para três meses, numa considerável economia para os pais,  além de permitir que mais jovens  possam ter esta experiência no exterior  com o máximo de aproveitamento. E para aqueles  sem condições de viajar, igualmente poderão aprender  com  propriedade  num período de seis meses a dois anos  – quando não terão nenhum trauma diante de um programa televisivo em inglês ou numa conversação com nativos , só dependendo da dedicação de cada um. Imaginem se Santos Dumont  tivesse feito seus experimentos escondidinho – poderia ser que hoje ninguém estivesse  voando, não? Este é o meu legado,  um  presente  de ANO NOVO  para todos – professores e estudantes. “EUREKA – você vai aprender, agora é pra valer”  Fox Fox


Envie uma resposta
Índice de mensagens


 English Made in Brazil -- English, Portuguese, & contrastive linguistics
 A pergunta que não quer calar!   –  Fox Fox  01/JAN/2011, 4:25 PM
A pergunta que não quer calar!   –  Teacher  02/JAN/2011, 12:03 AM
A pergunta que não quer calar!   –  PPAULO  02/JAN/2011, 12:24 AM
A pergunta que não quer calar!   –  Fox Fox  02/JAN/2011, 12:24 PM
A pergunta que não quer calar!   –  Teacher  03/JAN/2011, 9:24 AM

Contents of this forum are copy-free.
By S&K